Má digestão sintomas e tratamento

Dores, Para você, Tratamentos

Se só de escutar sobre os sintomas da má digestão você sente o estômago queimar, vale a pena entender como se livrar do problema. A azia, sensação de estômago pesado e gases prejudicam o dia a dia de quem sofre com isso. Apesar de não ter uma causa específica, a má digestão pode ser prevenida e tratada. 

A dispepsia, mais conhecida como má digestão, é um dos problemas gástricos mais comuns na vida dos brasileiros. Na maioria dos casos, está relacionada a outras doenças, hábitos alimentares e estilos de vida. O importante é entender qual a classificação do incômodo para identificar o tratamento mais adequado.

Quando é funcional, significa que os sintomas da má digestão não têm relação com outras patologias. Já a orgânica quer dizer que existe uma ligação das queixas com outras doenças. Buscar ajuda profissional é o caminho para entender qual é a classificação e de que forma o tratamento deve ser conduzido. Ao contrário do que muita gente pensa, a má digestão não é normal, é apenas seu corpo indicando que uma mudança deve ser feita! 

O que causa má digestão?

  • Comer muito rápido 

Quando você come muito rápido, pode cometer alguns erros que prejudicam a digestão, como por exemplo: não mastigar direito e não dar tempo para o cérebro perceber que você está se alimentando. Durante a mastigação, o organismo libera uma enzima que facilita a quebra do alimento, iniciando o processo de digestão.

Você precisa mastigar com calma e paciência para que o corpo tenha tempo de agir, liberando as enzimas e facilitando o trabalho do estômago para que o órgão não fique sobrecarregado. Dica: preste atenção na comida enquanto se alimenta. 

  • Excesso de líquidos durante as refeições

Beber muito líquido enquanto come fará com que seu estômago fique mais cheio, o que causa mal estar devido ao maior tempo de digestão necessário para esvaziar o órgão. O segredo é controlar a quantidade e o tipo de bebida. As mais gasosas podem pesar no estômago, mas um copo de suco não irá te fazer mal! 

  • Abusar de alimentos gordurosos e de frituras

A qualidade dos alimentos faz toda a diferença para a boa digestão. Quanto mais gordurosa a comida, maior é a sobrecarga no sistema digestivo, porque a gordura é mais difícil de digerir do que os carboidratos ou proteína. Sabe aquela sensação de estar pesado durante uma refeição gordurosa? É o seu corpo gerando uma maior ação de enzimas e sucos digestivo

Principais sintomas da má digestão

As queixas variam de pessoa para pessoa. De acordo com a Federação Brasileira de Gastroenterologia, a azia é o sintoma mais comum. Cerca de 48% dos brasileiros sofrem com o problema! Você está entre eles?

​​Outros sinais da má digestão são:

  • Sensação de estômago cheio, mesmo após ter comido pouco;
  • Gases, flatulência;
  • Azia e queimação;
  • Arrotos frequentes;
  • Enjoos e vômitos;
  • Diarreia ou prisão de ventre;
  • Cansaço.

A má digestão pode fazer com que menos nutrientes sejam absorvidos no intestino, o que aumenta o risco de problemas como anemia e falta de vitaminas. Portanto, se os seus exames estão alterados ou você se sente cansado com frequência, procure um profissional da saúde para entender como melhorar sua digestão. 

O tratamento com osteopatia junto da boa alimentação alivia os sintomas da má digestão

O tratamento para má digestão deve ser feito de acordo com os sintomas apresentados pela pessoa, mas a osteopatia costuma apresentar ótimos resultados na maioria dos casos. Esse é um sistema de avaliação e tratamento que tem como objetivo regular as funções das estruturas e sistemas corporais. 

O profissional especializado nesta técnica é o osteopata. Durante o tratamento osteopático, o principal objetivo é encontrar a origem da dor para tratar o começo do problema e não apenas os sintomas.

Por exemplo, a má digestão pode ser causada por alterações no sistema nervoso ou consequência de hábitos alimentares ruins. Nesse caso, é preciso um tratamento direcionado para o sistema nervoso, não apenas para a azia. Ficou claro? O papel do fisioterapeuta é entender o seu caso e realizar um atendimento personalizado. 

A filosofia osteopática potencializa os resultados da osteopatia para a má digestão 

Essa filosofia está baseada no raciocínio que diz que, quando todas as partes do corpo humano estão sintonizadas, o organismo está saudável. Por conta dessa visão integrada do corpo humano, a osteopatia se preocupa com diferentes frentes da saúde. Além do tratamento no consultório, o profissional dará orientações para que os hábitos sejam ajustados.

Evitar alimentos que causam a indigestão, fazer pequenas refeições durante o dia, reduzir o consumo de cafeína e álcool, evitar alguns analgésicos e buscar alternativas para o estresse e a ansiedade são atitudes que potencializarão o tratamento osteopático. 

O tratamento com osteopatia para aliviar os sintomas da má digestão pode ser feito com pessoas de todas as idades, desde recém-nascidos a idosos, em qualquer condição física e de todos os gêneros. Se você deseja se livrar do problema, busque um fisioterapeuta de confiança e comece seu tratamento.

Quer ser tratado pelos melhores Fisioterapeutas Osteopatas do mercado?

Agende um horário na Clínica EOM

Publicado em 29 março de 2022